Palestra de Jorge Trevisol reuniu cerca de 350 pessoas na CIC Caxias

30 de junho de 2017
 Palestra de Jorge Trevisol reuniu cerca de 350 pessoas na CIC Caxias

Público recorde foi registrado na edição de junho do ciclo de palestras Liderança com Valores, na quinta-feira, dia 29 de junho, na CIC Caxias. O evento, promovido pela ADCE Caxias do Sul, reuniu aproximadamente 350 pessoas. O vice-presidente da entidade, Gelso Furlin, deu as boas-vindas aos presentes e foi seguido pelos formandos do 77° Encontro de Reflexão, apresentados por Humberto Cervelin e Antoninha Schauren. Após, o momento espiritual da noite foi realizado pelo adeceano André Brandolff. 

O palestrante da noite foi o professor Jorge Trevisol, já conhecido pelos adeceanos. Desta vez, trouxe o tema “Como desenvolver o ser humano integral através do amor”. Tradicionalmente, o palestrante inicia sua participação no evento cantando uma canção, acompanhado por violão. Em seguida, começou sua fala lembrando que a dor é humana, e não o sofrimento, que é um apego à dor. Apontou que depressão é apego à dor, esquecendo da luz. Narcisismo é apego à luz, mas a uma luz artificial, e não à luz própria do ser humano.

Trevisol então explicou sobre terapia de regressão, constelação familiar e a nova medicina germânica. Ainda falou sobre como escolhemos nossos pais ainda antes de nascermos, o que chama de intencionalidade da alma. Isto acontece para podermos evoluir e cumprir a razão pela qual viemos a este mundo. A nossa jornada é nossa missão. Observando este assunto, contou sua experiência com seu próprio filho, com pouco mais de dois anos de idade.

Depois, afirmou que temos o corpo que a gente é, ou seja, refletimos fisicamente nossos sentimentos, sensações e medos. Segundo o professor, a insônia é o corpo muito cansado e a mente que não para de funcionar. Ele afirmou então que descobrimos a vocação onde nos sentimos mais livres, capazes e alegres. “A escolha da faculdade, a profissionalização, serve para aprimorar o propósito da missão de cada um.”

A prosperidade de um ser humano depende do propósito que carrega, pois ele se preocupa em fazer acontecer o seu sonho. “Deus é tão querido que não é louco de te dar um propósito e te deixar sem dinheiro”, brincou. Trevisol criticou quem só é rico, mas vazio de propósito.

Ele apontou ainda a importância do autoconhecimento e de ter consciência de si mesmo. Ao final, pediu um instante de silêncio, com todos de olhos fechados e pensando com carinho em uma pessoa que fortifique seu amor de cura. “Quando tudo estiver difícil, lembre dela”, aconselhou. Em seguida, os presentes se reuniram em abraços afetuosos.

Foram arrecadados 250 quilos de doações para o Banco de Alimentos de Caxias do Sul. No local, também foi realizada a Feira da Solidariedade, divulgando entidades sociais parceiras da ADCE Caxias do Sul.



Cadastre-se e receba nossas novidades